07
Jun
07

O drama dos sobre-endividados

Nunca fiz parte dos arautos da desgraça mas neste momento tenho que concordar quando se diz que a situação está muito má.

Será que só as pessoas que contraíram créditos são 100% culpadas de toda esta situação?

Sinceramente a meu ver não, e curiosamente a outra parte que antes foram todos sorrisos. Agora afastam-se ninguém os vê nem ouve. Falo concretamente dos bancos sim porque estes foram os principais impulsionadores do credito fácil, eram só vantagens, esquecendo-se de avisar os clientes que a taxa de juro estava nuns limites historicamente baixos e se alguma possibilidade havia era de esta subir.

Mas nada disto fizeram, interessava antes como agora cumprir objectivos, vender créditos sem olhar à complicação social que se avizinha.

Estando já a preparar cenários para o escoamento, no mercado das casas de que vão ficar donos…

 

Ps: o crédito diferido no tempo é uma das soluções, mas em vez de a casa ser do cliente em x anos passa a ser x + x (acarretando sempre um maior lucro para o banco)… Transformando os bancos em senhorios dos portugueses.

 Ronin

Anúncios

0 Responses to “O drama dos sobre-endividados”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


Desde 19-Maio-2007

Andaram por aqui…

Arrochadas Anteriores

Prémios


Arrochadas Mais Populares

Blog Stats

  • 64,922 hits

Ferramentas Internas

Outras Coisas


%d bloggers like this: