16
Dez
07

O Espírito Natalício atingiu o Auge

O Natal, e este período festivo que estamos quase a enfrentar, consegue trazer aspectos fantásticos, mesmo que em formato de spot publicitário numa rádio local.

Rezava desta forma, o final um anúncio de uma casa funerária (e já bastava o anúncio, mas enfim…)

 

“Deseja a todos os clientes, boas festas e um feliz ano novo…” 

Anúncios

2 Responses to “O Espírito Natalício atingiu o Auge”


  1. 1 Pedro
    Dezembro 16, 2007 às 3:10 am

    Desculpar-me-ás, Miguel, mas como “cliente” penso que consideramos aquele que requisita e paga um determinado bem ou serviço. Neste caso concreto serão os familiares do defunto. O próprio defunto encontra-se no centro do motivo da prestação do serviço, é certo. Mas penso que isso não o torna “cliente”, pois esse será o que paga e o responsável pela aquisição do bem ou do serviço.

  2. 2 MAV
    Dezembro 16, 2007 às 9:57 pm

    Caro Pedro,

    A ideia de cliente, leva-me o pensamento para dois tipos de pessoas: os que pagam e os que usufruem do serviço.

    Mas, mesmo olhando apenas para os primeiros, acredito que aqueles que tenham que pagar esse serviço, não estejam muito interessados na quadra…


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


Desde 19-Maio-2007

Andaram por aqui…

Arrochadas Anteriores

Prémios


Blog Stats

  • 64,795 hits

Ferramentas Internas

Outras Coisas


%d bloggers like this: